http://www.oesteatual.com/site/images/slide/ban-slide-wide-001.jpg

rachel sheherazade william waack

Mais de um mês após o vídeo em que fazia um comentário racista (“é coisa de preto”), William Waack foi finalmente demitido da Globo.

A saída de “comum acordo” foi divulgada pela emissora numa nota assinada pelo diretor de jornalismo Ali Kamel e pelo ex-âncora do “Jornal da Globo”.

Em dezembro, a imprensa especializada noticiou que Waack tem portas abertas no SBT. Silvio Santos anunciou que WW possui lugar garantido em sua emissora se quiser. 

No início desta semana, o canal de Silvio demitiu o veterano Joseval Peixoto, que compunha o principal telejornal da casa com Rachel Sheherazade.

Waack está sendo sondado para a posição. Rachel fez uma defesa exasperada e imbecil do colega quando de seu afastamento: “O ‘hipocritamente correto’ venceu mais uma vez”, escreveu no Instagram. “E o jornalismo brasileiro fica a poucos passos da total acefalia”

Seria o casal 20 do reacionarismo nacional. Silvio Santos é capaz de qualquer coisa. O único problema é que Waack não é particularmente conhecido por tolerar acéfalos.